Artigos

Bolsolândia, vocês ainda não entenderam e o titio vai tentar explicar

18 de dezembro de 2019

Por: LUIZ QUEIROZ

Você, quando votou no Bolsonaro, não prestou a devida atenção no sujeito que estava atrás dele durante a campanha, com cara de poucos amigos. Sim, Paulo Guedes era figura manjada de qualquer um que tenha cérebro, pois há anos ele só defende uma bandeira: “Menos interferência do Estado na Economia”.

Agora não adianta dizer que “a culpa é do PT”. Esse partido já não está no poder há quase 3 anos e você não será vendido no todo ou em parte do capital por causa dele.

Você será vendido porque empresas privadas querem abocanhar o que o Serpro ganha em contratos com o governo e nos dados de todos os brasileiros que guarda há 55 anos. Mas não querem assumir os encargos que você custa para a operação deles.

Não seja burro mais uma vez. Morra, se for o caso, com certa dignidade. Assuma que fez merda na eleição ao passar um cheque em branco para um candidato que é quase um jumento em intelecto e chamou para dentro do governo um bando de aves de rapina.

Se a culpa pela venda fosse do PT, vocês teriam sido vendidos lá atrás pelo próprio PT. Tenham ao menos um mínimo de honestidade intelectual. Se esse partido fosse o grande satã dos seus problemas, ainda não tinham “petistas” em postos de comando ou orbitando esses chefetes dentro da empresa. Bastava limar essa turma sem dó, nem compaixão.

Gente habilitada para “X9” dentro da empresa não falta. Vocês convivem diariamente em listas de discussões com a representação máxima do bolsonarismo quadrúpede: o “Strappazzon”. Ele já teria feito a lista, bastava algum chefete pedir.

Hoje a tendência é enxugar ao máximo os custos, inflar artificialmente o lucro da empresa, com as suas cabeças, para torná-la atrativa aos investidores. E não adianta você dizer “eu sou necessário para a futura empresa”.

Não é. Nunca foi e nunca será.

Quando venderam a Datamec jogaram todos no olho da rua. “Necessários” ou não. Se esqueceu que a empresa que comprar parte do capital do Serpro não vai querer “sujar” a sua operação, pagando benefícios trabalhistas que não paga aos funcionários, lá fora?

E se esqueceu que o trabalho que você faz, tem quem faça lá fora por pelo menos uns 30% a 40% menos do que te pagam hoje em dia?

Bobinho, desde quanto você assistia a “Turma da Xuxa” e sonhava em ser “paquito”, o Paulo Guedes já defendia a privatização. E o PT nessa época nem era essa “Brastemp” que você imagina, nos anos 80.

*Eu só lamento uma única coisa: gente decente, inteligente, honesta e com o caráter muito melhor que o de vocês, estará sendo condenada a ir junto com vocês para o olho da rua. Eles e o resto do país estão sendo punidos por causa da ignorância política de vocês.

FONTE: CAPITAL DIGITAL
FOTO: REPRODUÇÃO

Leia também

Cadastre-se e receba e-mail com notícias do SINDPD